Segunda-feira, 18 de Janeiro, 2010

Hoje fiz este slide com algumas fotos de Cristos cruxificados, não são todos os que possuo

mas o tempo não dá para procurar mais dado que estão em diversas pastas de fotografias

e tenho que procurar, mas dá para ver como gosto de tirar fotos de arte sacra, quando me é

possível, porque em muitas catedrais não é permitido. De  Varsóvia e Cracóvia trouxe um bom conjunto que me dá muito prazer olhar, há uma beleza nelas aos meus olhos, que nem

sei defenir, é qualquer coisa  muito transcendente e que me impele a não deixar de fotografar e trazer para casa.

Espero que os amigos que me visitem apreciem, breve faço novo slide com as restantes.

O slide desta vez parece que danificou um pouco as fotos, mas dá para ver.

 

Deixo uma poesia inédita

 

DEUS TRAÇOU

 

Alojadas em mim raízes fortes

Lembranças que vão e voltam

Vezes sem conta!

Umas, são meus desnortes

Às vezes meus ais se soltam

Vezes sem conta!

Me perco no labirinto

De pensamentos e emoções que sinto.

 

Se calhar nem sempre lembranças tão bonitas

Quanto as recordo hoje?!

Mas vá lá a gente compreender!?

Sem a saudade nestas minhas escritas

Teria medo de mais sofrer.

 

Levo algumas horas de luto

E tantas outras de Amor

Mas já trago o pranto enxuto

E até já esqueço a dor.

 

No rosto ainda uma expressão amável

A tudo o pensamento se habituou

Nada pode alterar o inevitável

Que Deus num destino traçou.

 

rosafogo

 

publicado por rosafogo às 17:28

Olá Natália!
Antes de mais quero deixar-lhe, embora atrasado, um beijinho de parabéns. Depois, quero agradecer-lhe as visitas que me tem feito e os comentários sempre positivos que me deixou. Fiquei especialmente contente com o das fotografias. Obrigada aos dois visitantes. Nem tenho conseguido responder aos comentários que me deixam. Ando a passar uma fase complicada! Vou publicando o que já tenho preparado e não consigo mais nada. Por isso, peço desculpa pelos meus silêncios.
Um bejinho grande com amizade.
Maria de Jesus a 25 de Janeiro de 2010 às 22:43

Não tem mal nenhum, amiga Mª de Jesus, nem tem de pedir desculpa,
eu sei como é tanto com o tempo como com a disposição.
O tempo foge, ainda agora estive na aldeia de segunda até ontem à noite
e andamos a correr a limpar o jardim, a plantar roseiras e quando acabámos
extenuados os dois era hora de virmos embora. Tenho os netos a almoçar e não posso
estar o tempo que gostaria.
Também de saúde a gripe não me deixou muita disposição , mas já estou um pouco melhor.

Pois estivémos a apreciar os seus posts com as fotografias e achámos uma maravilha
o meu marido queria que eu lhe perguntasse qual a máquina com que tira, porque
diz ele que não consegue obter tons tão preciosos quanto os seus. E eu concordo
não há uma que não esteja tirada a primor, concluímos que não é só ter boa máquina ou gostar de
fotografar é necessário ter alma de artista .
Agora tem mais um visitante é verdade. Tem comprado um curso de fotografia que vem com um jornal
e diz que já aprendeu bastante, veremos o resultado.
E por agora é tudo, beijinho
da natalia
também para a Catarina beijinhos
rosafogo a 28 de Janeiro de 2010 às 14:57

Olá amiga Natalia,
Lindas as fotos, lindo o poema.
Gosto muito!
Espero que a amiga já esteja totalmente recuperada da gripe.
Um abraço
Casimiro Costa
casimirocosta a 27 de Janeiro de 2010 às 11:43

Olá amigo Casimiro

Estou quase bem sim, obrigado.
Grata também pelo carinho da visita, sempre generoso
na apreciação do que escrevo.

beijinho, desejo também que se encontre bem assim como a família.

natalia
rosafogo a 28 de Janeiro de 2010 às 14:59

Olá meu amigo

Eu sou muito virada à fotografia deste género de arte, satisfaz-me, acho beleza, uma beleza
diferente, é como se eu também tivesse trabalhado nela. Pena tenho de não conseguir tirar
com calma como convém para a foto ficar boa, mas nem sempre é permitido e então são
sempre tiradas um pouco à pressa.
Fiquei muito contente por encontrar aqui as palavras gentis que sempre me deixa e agradeço
o carinho, peço desculpa de responder atrasada, isto de nos metermos em muitas coisas é no
que dá, não gosto de faltar aos meus primeiros amigos aqui, mas também no Luso por onde ando
criei algumas boas amizades. E a Vida é assim mesmo, haja saúde que o tempo levamos de vencida
sempre se arranja um bocadinho assim seja nossa vontade.

beijinhos fique bem
natalia
rosafogo a 28 de Janeiro de 2010 às 14:37

Este comentário era em resposta ao meu amigo Solitário,
mas devo ter feito qualquer coisa mal, peço desculpa
abraço
rosa
rosafogo a 28 de Janeiro de 2010 às 14:39

Natália:

Cá estou de novo, depois de alguma ausência, a apreciar o que de tão lindo, tão poético, tão profundo escreve.
O seu slide de Cristos é raridade que não se vê por outro lado e fez muito bem em inseri-lo aqui. Apesar de a Natália achar que o slide não estará de todo bem, eu achei-o magnífico. Os meus parabéns por isso.
Quanto ao poema, «Deus traçou», é, como sempre, ou melhor ainda, uma maravilha do seu interior poético, como se tivesse dentro de si um poético tesouro de sensibilidade, inesgotável, que oferece, sem nada exigir, a quem saiba apreciá-lo, qual sede poética que matasse a quem, de espírito poético e bem sensível, pelo seu blogue passasse, mesmo que de ocasional passagem.
No seu poema achei supermaravilhosa a penúltima quadra, «Levo algumas horas de luto [...]», que (não se deve usar o verbo adorar senão para Deus) adorei e gostaria que tivesse sido feita por mim, ser dela autor.
Felicidade para si.

Um beijinho.
Mírtilo
Mírtilo MR a 28 de Janeiro de 2010 às 23:50

Fiquei muito feliz por encontrar o amigo de novo, aqui no meu espaço, deixando-me
suas palavras de apreço e carinho pela poesia que aqui vou partilhando.
Tenho pena que o slide não esteja muito bom, mas ainda colocarei outro com mais
imagens de Cristo que possuo tiradas nas minhas viagens.
Não tenho palavras para agradecer o elogio ao poema, sabe da minha simplicidade e
quão singelo é tudo o que faço, porém é de forma sentida que meus versos crio, daí
talvez terem alguma beleza.
O amigo sim escreve maravilhosamente e lhe agradeço o muito que já aprendi com
o amigo nas minhas dúvidas gramaticais.
Últimamente, tenho-me entusiasmado, com a minha página no LusoPoemas onde consto com o mesmo
nome e onde sou muito mais lida e a poesia apreciada por um númerod leitores maior.
Mas de modo algum deixarei de escrever neste meu cantinho onde também tenho os
meus amigos de sempre , com quem gosto de partilhar e de conversar um pouquinho.

Tenho p'lo amigo muita estima e admiração, e agradeço imenso o carinho e a amizade
que ao longo do tempo me tem dispensado.

Que fique bem é o meu desejo
Um beijo
da natalia
rosafogo a 3 de Fevereiro de 2010 às 13:19

Olá minha amiga, Rosa, Fogo, Natália. Quero começar pedindo desculpa pela ausência, e dizer que não me esqueci, apenas me distraí mais um pouco. Mas já passou, e aqui estou. Valeu a pena vir e ler, é um bom trabalho, desenvolvido com uma grande mestria. Parabéns por isso. Um beijinho sulitario.
Sulitário a 1 de Fevereiro de 2010 às 15:27

Obrigado meu amigo, eu também ando um pouco (desleixada) a responder aqui aos meus amigos, dado
que o LusoPoems me leva muito tempo, e todo o tempo é pouco para o que desejamos fazer.
Têm-me feito convites para sair em várias colectaneas e não é fácil estar em tudo, mas vou tenteando
como dizem na minha terra e assim vou andando um pouquinho em cada sítio.
No Luso Poemas também escrevo diáriamnete , mas quero conservar os meus amigos aqui, de quem gosto de receber
palavras amigas.

beijo e obrigado pela visita
natália
rosafogo a 3 de Fevereiro de 2010 às 13:33

Olá amiga Natália. Que prazer em tela aqui, É verdade, o tempo é pouco, para tudo o que gostava-mos de fazer. Mas quando bem gerido, vai dando para tudo, o dinheiro, também é pouco, e nós temos que o fazer chegar até ao fim do mês. É uma questão de boa gestão do tempo. E privilegiar as coisas mais prementes. E de que mais gostamos. Minha amiga não quero estar aqui a fazer um relatório, que depois demora muito a ler. Um beijo de amigo do coração. E muitas felicidades lá pela luso-poemas.
Sulitário a 3 de Fevereiro de 2010 às 18:23

Em poucas palavras.....

Uma pessoa LINDISSIMA.




Bêjuuuuuuuuuuu
*FreeStyle* a 2 de Fevereiro de 2010 às 06:55

Meu querido amigo

Como estou em dívida para contigo, mas não por esquecimento,
sabes Free, quando nos metemos em muita coisa sempre alguma
vai ficando não direi para trás mas mais atrazadita, começei a
escrever em vários sítios e é muito difícil estar em todos como
eu gostaria.
Há imenso tempo que não visito os amigos daqui, mas não esperem pela demora.

beijinhos Free
que estejas bem assim te desejo.

rosa
rosafogo a 3 de Fevereiro de 2010 às 13:37


mais sobre mim
Janeiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


últ. comentários
Queria amiga Poetisa Rosafogo, Que das coisas simp...
Olá!Vim apenas fazer um teste, para ver se consegu...
Parabens pelo post. Falar de coisas simples por ve...
Acontece-me exactamente o mesmo, Natália! Depois d...
É assim Mªa João, dispersei-me e agora é tão difíc...
Também me perco imenso, Natália. Não penses que és...
Há séculos dizes bem MªJoão, bem que eu gostaria q...
Para mim também foi uma alegria encontrar-te Ause...
Obrigada PC é bom encontrar palavras amigas.Tento ...
Olá Martinha obrigada por vires ler, tenho andado ...
pesquisar
 

blogs SAPO


Universidade de Aveiro